21 maio, 2009

Escola Portuguesa

"A maioria dos professores portugueses devia ser condecorada pela resistência, pela capacidade de sobrevivência, pela Arte de constante renovação da esperança. Às escolas de hoje, às públicas claro, exige-se tudo: - Que se ensine, que se eduque, que se acompanhem alunos, que se giram diferenças, que se encontrem estratégias para combater desinteresse, insucesso, consumos de drogas, consumo de tabaco, sinais de esquizofrenia, problemas familiares, práticas sexuais de risco, etc. Nas escolas de hoje há clubes de saúde, clubes europeus, clubes de solidariedade, clubes de alimentação, clubes de ciência, clubes de tudo aquilo que se possa imaginar porque, na escola de hoje, cabe tudo! Só começa a não haver espaço para se ser professor." Opinião in "O Distrito de Portalegre" - Maria Luísa Moreira



2 comentários:

ZEN disse...

devias ter presenciado a discussão que se gerou à bocado à mesa, do tipo uma discussão do ovo e da galinha... onde começa a educação? na escola, ou em casa?... cada vez mais, sou da opinião que começa na escola...

bjinhos

a. quelhas disse...

Na ESCOLAAAAAAAAAAAAA!!!!!!!!!!
Nunca me aprecebi que alguém tenha nascido na esola! Devo andar distraída!