11 junho, 2010

PAVILHÃO DE ANGOLA - expo Xangai 2010





Temática: Angola assegura uma vida melhor
Dia dedicado a Angola: 26 de Setembro
Localização: Within Zone C of the Expo Site
Características: Edifício com uma estrutura inspirada na belíssima planta do deserto do Namibe, welwitschia mirabilis, que tem uma longevidade entre os 300 e 1000 anos. No exterior são visíveis as folhas gigantes rematadas pela imagem da catedral do Sumbe. Durante a noite awelwitschia mirabilis assume diversas tonalidades de verde, somando mais algum dinamismo ao edifício.
Área: 1.000m2
Autor do Projecto:



CLIQUE AQUI



2 comentários:

Pena disse...

Amiguinha Colega Fantástica:
Fumando um cigarro e depois outro...
Assim te encontrei em Setembro, numa pequena sala de trabalho. Olhamo-nos e medimo-nos desconfiados, temendo que um invadisse o território do outro. Não te consegui ler os pensamentos e achei-te estranho, confesso. Provavelmente raciocinaste de forma idêntica, o meu visual meio freak, delineado com um corte de cabelo estranho, não se apresentava de fácil digestão.
E tu fumavas mais um cigarro.
Com um projecto profissional comum, ultrapassamos barreiras e convergimos numa cumplicidade para a ventura e para a desgraça… para o bem e para o mal… e fomos inteligentes nessa atitude; rapidamente nos descobrimos e evitamos o confronto da enorme teimosia de ambos, contornamos diplomaticamente divergências, rejeitamos a competição entre nós e fomo-nos conquistando numa camaradagem construída no empenho, na perseverança, numa característica que nos une – dar o nosso melhor.
Passei a ter orgulho em partilhar contigo a história, a filosofia e a sociologia. Os nossos apontamentos e notas tomadas em escrita corrida, circulavam em circuito, mas fechado. Construímos uma estratégia comum com sucesso, completamente imbatível por parte daqueles que tentavam competir connosco. Nunca me senti defraudada, ou desapontada nas expectativas que fui processando, antes pelo contrário, descobri alguém, inteligente, muito humano, honesto, verdadeiro, com aquela ingenuidade que apenas aquelas pessoas autênticas são capazes de possuir.

Lembraste? Lindo instante.
Beijinhos amigos de um respeito imenso.
Sempre a admirar-te, mesmo no silêncio de mim.

pena

a. quelhas disse...

Foi exactamente assim e nem me atrevo a pegar na máquina de calcular para saber há qtos anos foi.